Dicas para revender papel de parede

Para revender papel de parede, assim como todo negócio, é recomendável fazer um plano de negócio. Apesar de burocrático esse plano lhe mostrará a realidade do mercado e também quais são os riscos, benefícios, capital inicial, riscos, desafios e oportunidades. Pode ser massante fazê-lo no início, mas realmente faz diferença. Iniciar um negócio é algo que exige muita dedicação e por isso muitos detalhes são importantes para a decisão de iniciá-lo ou não. Quanto mais informação, melhor. Lembrando que ficar só no plano em nada viabilizará a execução real do negócio, colocar a mão na massa é tão importante quanto planejar. Mas se não houver planejamento haverá grande probabilidade de falência e/ou frustração.

Vamos enumerar alguns pontos importantes, como se fosse um resumo:

Escolha um fornecedor parceiro

Há muitos fornecedores de papel de parede que não prezam pelo revendedor, simplesmente querem vender seu produto e não cuidam do seu parceiro. Isso é mais comum do que se imagina e existe em todos os mercados. Nós da Paris Decor temos visão de longo prazo e nossas estratégias e ações são realizadas para manter o máximo de estoque e informações aos nossos parceiros. Para nós isso é simplesmente um ato de respeito é também valor ao nosso parceiro de negócios. Quantas vezes conseguimos novos clientes pelo simples fato do nosso concorrente não fazer manutenção adequada de estoque e simplesmente não informar o cliente, quantas vezes…

Além disso, é necessário ver qualidade, garantia, prazo, flexibilidade e também a idoneidade da empresa. Existem importadores de papel de parede que revendem para todos que buscam pelo produto, independente se são revendedores ou consumidores finais. Certamente sem elo de parceria a longo prazo, entre revendedor e distribuidor, haverá frustração e desentendimento.  Saiba quem realmente são seus potenciais fornecedores, veja as redes sociais, site, onde fica a sede, estrutura… Veja se ele aparecem veja se transmite confiança e credibilidade.

Loja física, Visitas in Loco e/ou venda online?

Tem lojas que praticam todas os três formas de abordagem, no entanto é comum termos cliente que trabalham apenas com visitações juntamente a divulgação nas redes sociais. Uma Loja Física necessitará de maior estrutura, pessoas e investimento. Dessa forma, uma loja terá um nível maior de gastos e consequentemente maior meta de vendas para alcançar um lucro mínimo. Por outro lado a opção pelo meio físico aumentará a visibilidade da empresa e nesse caso onde será o ponto de venda é um fato  crucial e importantíssimo. Se errar no ponto físico da loja, já era… Já quem trabalha com visitas “in loco” junto a vendas online possui um custo menor mas não necessariamente a mesma vitrine da Loja Física. O que vemos comumente é que quem trabalha nesse formato mais resumido faz muitos negócios por indicações , trabalhos persistentes com incluenciadores e divulgação massiva nos meios online e também parcerias.

Para decidir qual modelo de negócio irá seguir é importante colocar os números no papel e estudar o mercado. Lembrando que informação é muito importante para todas as etapas do negócio. Para quem deseja investimento incial baixo, optar por vender online e visitações pode ser uma porta de entrada bem atraente…

Ter estoque ou não ter?

Em algumas regiões, principalmente se for distante do fornecedor, pode ser ineressante trabalhar com alguns modelos que mais vendem a pronta entrega. Se a loja já tiver certo porte de venda também é importante considerar se o fato de ter algum estoque pode amplificar a venda de papel de parede. No entanto, se você está iniciando o seu negócio recomendamos trabalhar com o estoque do fornecedor.  Nós, da Paris Decor, temos estoque online atualizado todos os dias e procuramos ter o máximo de produtos em estoque em nosso galpão. Nem todos importadores tem compromisso com os revendedores.

Para quem está começando normalmente é preferível investir em marketing, divulgação, treinamentos do que em estoque…

Quem não é visto não é lembrado

O marketing / divulgação é extremamente importante. Utilizar todas as plataformas de busca dos possíveis clientes é um ato de sobrevivência e não mais diferencial. Como se usa as ferramentas para alcançar o seu público ai sim é um diferencial. Não basta só usar o Instagram, Google, OLX, Site… É necessário fazer alguns links patrocinados, contratar influenciadores e também fazer ações regionais fora do formato digital. Há clientes que plotam carro, fazem “outdoor”, usam o jornal da cidade… A criatividade nunca foi tão exigida nos empreendimentos. O interessante do marketing é que o que funciona em uma região não necessariamente funciona em outra. Isso torna a divulgação algo bem misterioso, mas quando a estratégia de marketing funciona a venda “pipoca” e os restultados costumam ser duradouros.

Com tudo isso, vale a pena revender papel de parede?

Ser empresário(a) é complexo mas muito recompensador. Se você considera ser remunerado por resultados e não por tempo, então ser empresário pode estar no seu radar. Você gosta de design, arquitetura e/ou decoração? Então ser empresário(a) no ramo de papel de parede pode ser uma ótima opção para você O mercado é crescente e o produto muito prático. É um segmento que ainda permite entrada de novas empresas com investimento inicial baixo e isso é um atrativo para muitas pessoas. Só temos que lembrar que uma das principais qualidades de quem quer empreender efetivamente é dedicação, disciplina, foco e trabalho…

Temos vários clientes mudaram de vida com o papel de parede, possuem boa renda e uma empresa saudável. Quer saber mais? Entre em contato conosco.

 

Grande Abraço

Lucas Lima

CEO Paris Decor

 

 

 


Compartilhe:

  

R. Dr. Hacket, 67 - Centro, Betim - MG

(31) 2571-2703

(31) 97180-5761

vendas@parisdecor.com.br